Cel. Domingos Soares implanta projeto de hortas e pomares nas escolas municipais

0
6
 Com o objetivo de sensibilizar alunos, professores e toda a comunidade escolar, desenvolvendo práticas pedagógicas com ações de Educação Alimentar e Nutricional e Sustentabilidade Ambiental, os departamentos municipais de Educação e de Meio Ambiente lançaram, nesta semana, um novo projeto, que visa ao cultivo de pomar e horta no ambiente escolar.

        Entre as justificativas do projeto se podem citar a Educação Ambiental, a construção de hábitos de consumo de alimentos saudáveis, conscientização da preservação do meio ambiente, etc. “É de suma importância a conscientização da preservação do meio ambiente para a nossa vida e de todos os seres vivos, pois vivemos nele e precisamos que todos os seus recursos naturais sejam sempre puros”, esclarece o diretor do Departamento de Meio Ambiente, Rodrigo Müller Gheno. “A conscientização quanto a essa preservação deve iniciar cedo, pois é muito mais fácil quando tal ensinamento inicia logo, assim as crianças com certeza vão crescer com essa ideia bem formada e com bons hábitos saudáveis, entendendo de forma integral a importância da natureza e do alimento saudável que ela nos proporciona”, complementa.

        Nesta semana já foram distribuídas 130 mudas de árvores frutíferas (araçá, ponkan, laranja e tangerina) doadas pela Cia Ambiental, entre as escolas municipais do campo Pedro Ferreira de Almeida (Pedregulho), Santina Perret Carraro (Ponte do Chopim), Nossa Senhora das Graças (Ubaldino Taques), Danilo Bordignon (27 de Outubro), Francisco Taques (Ponte do Iratim) e Nossa Senhora Consoladora (Recanto da Natureza). As demais escolas do campo e as instituições de ensino municipais da sede também participarão do projeto.

        “O consumo de alimentos saudáveis, como como legumes, verduras e frutas não deve ser tratado como algo distante do cotidiano dos alunos, mas como parte de suas vidas”, destaca a diretora do Departamento de Educação, Daiana Neves de Oliveira.

        Os objetivos específicos do projeto são:
  • Despertar cada criança para as inter-relações entre os elementos que compõem o meio ambiente, dos quais os seres humanos são parte integrante;
  • Dar oportunidade aos alunos de aprender a plantar árvores e de cultivar;
  • Conscientizar acerca da importância de estar plantando e melhorando a qualidade do ambiente;
  • Criar uma área verde pela qual todos se sintam responsáveis;
  • Estimular os alunos a construírem seu próprio conhecimento no contexto interdisciplinar;
  • Construir a noção de que o equilíbrio do ambiente é fundamental para a sustentação da vida em nosso planeta;
  • Incentivar hábitos alimentares saudáveis;
  • Conhecimento dos nutrientes dos produtos cultivados na estufa e pomar;
  • Higiene e preparo dos legumes, verduras e frutas;
  • Receitas culinárias com alimentos cultivados na estufa e no pomar da escola.

Fonte: Comunicação CDS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here