Ladrões Poderosos

0
381

Estaríamos nós, seres pensantes em busca da perfeição? É possível. Ouvimos de nossos pais e professores desde os primeiros anos que devemos optar pelo respeito às pessoas que nos cercam, as instituições públicas, enfim, sermos honestos e responsáveis em todos os momentos. Contudo na prática, não adotamos as citadas posturas, pois temos em nós um sentimento egoísta, queremos sistematicamente levar vantagens. Quando recebemos u troco a mais em comércio qualquer não temos a preocupação em devolvê-lo, sonegamos impostos sempre que possível, recorremos de multas mesmo sabendo que somos devedores, enfim estamos longe da perfeição que deveríamos perseguir com zelo incansável. Em todos os momentos. Sempre que assistimos a programas de TV ou lemas revistas as notícias em destaque tratam da vida pública brasileira invariavelmente relatando sobre desvios ou corrupção de agentes políticos. Até concluo que desvio ou corrupção são na minha opinião, termos extremamente amenos usados para preservar a imagem dos envolvidos e até defendo que tais denominações deveriam ser banidas dos noticiários visto que parte da população pode entender que recursos destinados a alguma obra poderiam ser usados em um outro programa qualquer e por isso, deveriam ser designados como roubo e aí o entendimento seria universal. Relembrando o episódio em curso do afastamento da então presidente Dilma as alegações foram e são até o presente momento referentes a irregularidades que afrontaram a constituição. Lembro de discursos opositores lamentando a perda de onze milhões de postos de trabalho e daí, as dificuldades de sobrevivência das famílias sem emprego. Tais discursos até davam a impressão de serem sinceros porem, tratava-se de falsidades. Pura falsidade. O governo provisório até o momento não tomou nenhuma medida visando solucionar o problema de desempregados e o que fez foi aumentar salários de servidores públicos que não tem nenhuma dificuldade financeira. Por trás da destituição da presidente estava e está a investigação da justiça que aproxima-se a passos rápidos e que também pode atingi-los. O principal objetivo foi responsabilizar um governo incompetente, assumir o poder e suspender investigação da justiça para proteger seus membros também envolvidos em roubo de patrimônio público. Somos governados por ladrões e como os desempregados estão em nível inferior é questão a ser tratada posteriormente e no momento, como sempre, cuidam dos seus interesses garantidos pelo poder tomado valendo-se de artifícios duvidosos.

Por: Irineu José Camine